33 focos de dengue na Vila Hilda

O mutirão contra a dengue realizado terça-feira pela prefeitura na Vila Hilda localizou 33 focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue. Conforme a Secretaria Municipal de Saúde, o número é bem maior em relação ao mutirão realizado na região no mês passado. As larvas foram eliminadas e os moradores orientados.


A prefeitura alerta que em casos críticos o morador ou responsável pelo imóvel pode ser notificado e se não tomar providências será multado. Na Vila Hilda foram vistoriados 2.164 imóveis, sendo que 11 proprietários de terrenos baldios foram notificados. Foram feitas 76 orientações através da equipe de Educação em Saúde da prefeitura.

O mutirão realizado na Vila Hilda e adjacências envolveu quase 150 pessoas, incluindo 84 agentes de saúde do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), 32 soldados da 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada e 15 funcionários da Usina São Fernando. Foram utilizadas pás carregadeiras e dois caminhões para transportar o lixo recolhido pelos moradores. 

Conforme o LIRAa (Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti), a Vila Hilda é o bairro de Dourados que tem o maior índice de infestação do Aedes aegypti, com 2,1%.  O índice considerado tolerável pela OMS (Organização Mundial de Saúde) é de 1%.

De acordo com o diretor de Vigilância em Saúde Eduardo Arteiro Marcondes, os moradores receberam informações de como evitar a dengue, bem como auxílio no recolhimento e destruição de eventuais depósitos de água que possam se tornar criadouro do mosquito. "Desta forma buscamos chamar mais ainda a atenção dos cidadãos para a necessidade do empenho e consciência de todos no combate à dengue", destacou.

Legenda: Mutirão contra a dengue na Vila Hilda envolveu agentes de saúde, voluntários e militares do Exército
Crédito: Divulgação

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados