Geraldo quer duplicação da Avenida Guaicurus no pacote MS Forte 2

Deputado também pede revitalização das rodovias MS 270, que liga Dourados a Itahum; e da MS 470, entre Douradina e a BR-163

         O deputado federal Geraldo Resende (PMDB) quer que o governador André Puccinelli (PMDB) inclua a duplicação da Avenida Guaicurus no "pacote" de obras que o governo do Estado vai lançar possivelmente em abril próximo. O pedido foi feito em audiência que aconteceu na semana passada e a resposta foi positiva. O projeto demandará investimentos da ordem de R$ 30 milhões.
         Segundo Geraldo, Puccinelli já havia assumido, durante o lançamento das obras da Rodovia Perimetral Norte, em 2010, o compromisso de executar a duplicação. Geraldo disse que o governador vai lançar em abril uma espécie de segunda edição do Programa "MS FORTE", contendo projetos estruturantes para várias regiões do Estado.

Na primeira versão, Dourados foi contemplado com várias frentes de asfalto e com a construção das praças do Izidro Pedroso, Canaã III e do Rego d'Água, em andamento, com recursos federais viabilizados por Geraldo Resende e contrapartida do governo estadual. A Perimetral Norte também fez parte daquele pacote.
         Para Geraldo, a duplicação da Avenida Guaicurus é uma necessidade que está comprovada há mais de 10 anos, por causa do fluxo crescente de trânsito na única via que demanda à Cidade Universitária, aeroporto, Exército e diversas empresas, bem como à Rodovia MS-270, que liga a sede do Município ao Distrito de Itahum.
"Além disso, diversos bairros estão surgindo naquela região da cidade. Somente para a Cidade Universitária, a previsão é de que até 2014, haverá um fluxo diário de 14 mil pessoas", ressalta Geraldo, lembrando que a luta pela duplicação da Avenida Guaicurus é antiga, sendo que a primeira manifestação aconteceu durante o lançamento da Perimetral Norte, por servidores da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e do Exército, com total apoio do mandato.
Itahum e Douradina
A revitalização das rodovias MS-270, que liga a sede do município de Dourados ao Distrito de Itahum; e MS-470, que une o município de Douradina à Rodovia BR-163 é outra medida que o deputado Geraldo Resende quer ver no pacote do governo do Estado. Ambas são vias de grande fluxo de veículos e de grande importância para a economia estadual e na opinião de Geraldo Resende carecem, principalmente, de obras de recuperação total e alargamento das pistas de rolamento, sinalização, e construção de acostamentos.
Segundo o parlamentar, a Rodovia MS-270 é uma das mais deterioradas, mesmo com os serviços de tapa-buracos que são feitos pelo governo do Estado. Devido ao grande fluxo de veículos pequenos, caminhonetes e ultimamente, de bitrens, a situação da via é bastante precária, ocasionando, inclusive, diversos acidentes com vítimas fatais.
"A população de Itahum tem nessa rodovia o único meio de acesso à sede do Município de Dourados, onde vai encontrar recursos não disponíveis naquela comunidade, como instituições de ensino superior, produtos do comércio, serviços na área de saúde, entre outros. Tenho certeza que o governador André será sensível ao nosso pedido, que também é o anseio dos moradores de uma localidade que propicia uma grande arrecadação aos cofres do Estado e do Município", conclui Geraldo Resende.

Legenda da foto:
Geraldo pede ao governador inclusão de projetos importantes na segunda versão do Programa "MS Forte".

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados