Casa do Estudante de Dourados será entregue em março


         A Casa do Estudante da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), estrutura que vai beneficiar estudantes que não têm condições de pagar por uma moradia, deverá ser entregue no próximo mês de março. O anúncio foi feito pelo deputado federal Geraldo Resende, após visita ao prédio em fase final de construção, acompanhado pelo reitor da UFGD, Damião de Farias; da pró-reitora de Planejamento da UFGD, Silvana de Abreu; o diretor-presidente da Sanesul, José Carlos Barbosa; o gerente regional Paulo Torraca, entre outras autoridades.
         Para possibilitar a entrega do prédio em março, Carlos Barbosa comprometeu-se a executar as obras de implantação da rede de esgoto num período de 15 dias, logo após o carnaval, já que essa é a única pendência para que o prédio possa ter condições de ser utilizado.
         Na vistoria às obras finais do primeiro bloco da Casa do Estudante, os presentes conheceram as instalações e demonstraram satisfação pela qualidade da estrutura de apoio à moradia que será oferecida aos universitários. "Sou um dos articuladores da criação da UFGD e tenho trabalhado bastante no sentido de estruturá-la, pois entendo que a educação é o alicerce que impulsiona a qualidade de vida", explica Geraldo Resende, responsável por parte dos recursos que está sendo usado na construção.
Geraldo Resende voltou a afirmar que a estrutura do bloco em construção é uma das mais modernas do país. O prédio que será entregue em fevereiro tem três pisos: o primeiro com quatro apartamentos e os outros dois com seis, totalizando 96 vagas. Cada apartamento tem quartos para duas pessoas, dois banheiros, cozinha, lavandeira e sala. O primeiro piso terá uma sala de múltiplo uso, com computadores e área de estar, que pode ser usada para estudo.
Além do prédio em fase de conclusão, a UFGD pretende construir outros três. Quando todos os blocos estiverem prontos, a Casa do Estudante terá capacidade para 384 alunos. O projeto está sendo implantado em dois terrenos doados pelo Município, de 1.350 metros quadrados, cada.
Recursos
O investimento global em cada bloco da Casa do Estudante é de R$ 2.242.774,35. Parte dos recursos, no valor de R$ 500 mil, foi destinada pelo deputado Geraldo Resende por meio de emenda individual no Orçamento Geral da União (OGU), exercício 2012. A obra conta também com recursos, no valor de R$ 500 mil, destinados pelo senador Delcídio do Amaral.
"Fico feliz em poder contribuir com a oferta de uma estrutura, cuja qualidade não existia na época em que cursei Medicina, lá no Ceará. Porém, naquele período, morei numa Casa do Estudante e sei da importância que esse apoio representa para o universitário que tem vontade de estudar e não possui condições de pagar por uma moradia", conclui Geraldo Resende.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados