Melhoria da estrutura faz crescer movimento de aeronaves em Dourados

Pousos e decolagens aumentaram de 4.979 em 2011 para 7.825 em 2012; aeroporto agora possui sistema de controle aéreo

O movimento de aeronaves no aeroporto Francisco de Mato Pereira, de Dourados, cresceu 58% de 2011 para 2012. Foram 4.979 pousos e decolagens em 2011 contra 7.825 em 2012. Os dados de movimentação, elaborados pela Reyco, empresa que controla o tráfego aéreo no local, foram divulgados pela administração do aeroporto. As obras de melhoria da segurança são alguns dos fatores que favorecem a operação de mais aeronaves na cidade.


Em 2012 o aeroporto de Dourados movimentou 1.308 voos regulares, que são aqueles operados por companhias aéreas, contra 1.200 em 2011. O aumento é devido à entrada em operação da Azul em outubro do ano passado. Até então apenas a Trip operava na cidade.

As operações da aviação geral (pequenas aeronaves executivas e de treinamento) saltaram de 3.693 em 2011 para 6.342 no ano passado. Já os pousos e decolagens de asas rotativas (helicópteros) cresceram de 86 para 175.

Desde que assumiu a administração municipal, no início de 2011, o prefeito Murilo tem investido regularmente para melhorar a infraestrutura do local, em parceria com o governo do Estado. Foi construída nova sala de embarque, a sala rádio, feita a instalação do Papi (auxílio a pousos) e instituído o sistema de controle aéreo. A equipe também recebeu mais treinamentos. Com isso, o aeródromo foi elevado à categoria de aeroporto.

A nova estrutura permite pousos e decolagens controlados 24 horas por dia. Também garante a cobertura do seguro das aeronaves, favorecendo a operação da aviação executiva. Em 2010, por exemplo, o programa 'Jornal Nacional' da TV Globo não pousou o seu jatinho em Dourados alegando falta de cobertura de seguro. Hoje a realidade é diferente e o aeroporto é apontado como um dos melhores do Centro Oeste.

MAIS OBRAS
Para melhorar ainda mais a estrutura, o governo do Estado abre processo licitatório para a escolha da empresa que vai realizar obras no aeroporto. O investimento será de R$ 4.529,271,90, sendo R$ 3.839.881,11 da Secretaria de Aviação Civil (Governo Federal) e R$ 689.391,00 de contrapartida do Estado.

Com o investimento serão feitos reforço na camada asfáltica da pista, que tem 1.950 metros de comprimento por 30 metros de largura, nova pista de taxiamento e aumento do tamanho do pátio de aeronaves. Também será feita nova sinalização horizontal e vertical da pista.

O recurso é de articulação do prefeito Murilo, do governador André Puccinelli e dos deputados federais Geraldo Resende e Edson Girotto. Murilo atua diretamente desde a época que era vice-governador do Estado para melhorar e ampliar o aeroporto de Dourados.

O diretor do Departamento Aeroportuário de Dourados, Juliano de Almeida Domingos, informou ainda que a prefeitura já trabalha no projeto de aumento da capacidade da sala de embarque. A Azul começa a operar no dia 20 mais voos regulares entre Dourados e São Paulo (Campinas).

Legenda: Movimentação de aeronaves aumentou após o aeródromo de Dourados ser elevado à condição de aeroporto; ações da prefeitura resultam em mais vôos
Crédito: A. Frota

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados