Defesa Civil e assistência social atendem prejudicados pelas chuvas

O grande volume de chuva que atingiu Dourados na noite desta sexta-feira (15) provocou alagamento em duas regiões, movimentando equipes da Defesa Civil, Assistência Social, Serviços Urbanos e Obras  De acordo com dados meteorológicos, foram 95 milímetros de água em seis horas, um volume geralmente registrado em um período de 30 dias.
Na Vila Cachoeirinha a situação foi mais complicada, já que pelo menos cinco famílias tiveram suas casas invadidas pelas águas e se abrigaram, por opção, em residência de parentes. A Prefeitura ofereceu o abrigo, em alojamentos do Estádio Douradão, mas os moradores optaram por recorrer a familiares. 

No Jardim Santa Clara, região do João Paulo II, uma área propícia a esse tipo de problema, também teve casas alagadas. A situação daqueles moradores era bem mais crítica em outras épocas, mas por conta de algumas intervenções determinadas pelo prefeito Murilo, os danos foram bem menores desta vez.
O coordenador da Defesa Civil, João Vicente Chencarek explicou que esse é um caso atípico, já que o volume de chuva foi acima da média normal. Mas, segundo ele, dois outros fatores contribuíram, sendo a pouca vazão dos córregos, que cortam as BRs 163 e 463 e, além ainda, do velho problema do lixo – deixado nas ruas pela população - que obstrui as galerias.
O secretário de Serviços Urbanos, Luiz Roberto Martins Araújo, que esteve também na Cachoeirinha, reafirmou a falta de vazão dos canais que passam pela rodovia. Ele lembrou também que o bairro está em fase final de pavimentação, e que assim que concluída a obra e ativada a rede de captação de águas pluviais, o problema será solucionado.
As equipes da prefeitura passaram toda a manhã deste sábado percorrendo as regiões castigadas pelas chuvas, levando atendimento ás famílias e auxiliando na recuperação de seus bens, já que houve apenas danos materiais. No Santa Clara, máquinas do município foram deslocadas para o local, com a finalidade de recuperar os pontos danificados.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados