Cartel do Táxi em Campo Grande


O vereador Zeca do PT informou na sessão desta terça, 9 de abril, na Câmara de Vereadores de Campo Grande, que os taxistas que precisarem comprar o primeiro carro para começar a trabalhar terão acesso a financiamento do governo federal, via recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). O dinheiro poderá ser utilizado por novos permissionários. Antes, o crédito era destinado exclusivamente à renovação de frota para taxistas já em atividade.
Para Zeca, essa é uma ótima notícia para os trabalhadores do setor e coloca na ordem do dia o debate sobre a concentração dos alvarás de táxis em poucas mãos, gerando os chamados "curiangos", que trabalham para os proprietários dos alvarás.
O vereador já manteve conversas com o sindicato e associação dos taxistas, bem como com órgãos públicos municipais relacionados com a questão.
Segundo informações repassadas ao parlamentar, alguns proprietários de táxis têm dezenas de alvarás (autorização para explorar o serviço de táxi) e contratam os taxistas auxiliares para operarem os veículos, porém esses trabalhadores enfrentam condições ruins de trabalho e até insegurança quanto a direitos trabalhistas.
Zeca aceitou a sugestão do presidente da Câmara, Mário Cesar, e vai articular a realização da primeira Audiência Pública para propor a reorganização da prestação de serviços de táxis na capital.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados