Fwd: Desleixo da gestão de Nelsinho com o lixo repercute na Câmara e Zeca cobra medidas

 O vereador Zeca do PT falou hoje na sessão da Câmara a respeito do descumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) celebrado na gestão de Nelsinho Trad com Ministério Público (MP) sobre a instalação do Aterro Sanitário e o fim do Lixão de Campo Grande. A gestão de Nelsinho não cumpriu 6 dos 7 pontos acordados com MP, mas mesmo assim o ex-prefeito convocou a imprensa para – num gesto midiático – "fechar" o lixão.

Para Zeca, foi uma grande irresponsabilidade, tendo em vista que tentou-se passar para opinião pública que o problema tinha sido resolvido quando na verdade a gestão de Nelsinho não cumpriu as condições pactuadas para o fechamento do lixão. Uma das condições era que a nova usina para separação do lixo reciclável do não reciclável ficasse pronta, absorvendo os catadores de lixão para resolver um problema social e ambiental que se arrastou ao longo da gestão do PMDB sem resolução.
Segundo o vereador Zeca do PT, a constatação de que a gestão de Nelsinho não cumpriu o Termo de Ajustamento de Conduta e fechou o lixão de forma irregular é "gravíssima", podendo configurar até crime de responsabilidade, tendo em vista que havia um acordo assinado com o Ministério Público, que não foi cumprido. Zeca disse que vai até o MP para cobrar explicações e punição dos responsáveis pelos eventuais prejuízos aos cofres públicos.
Outro questionamento de Zeca diz respeito à licitação milionária, feita no "apagar das luzes" da gestão de Nelsinho, para escolher a empresa que faria o serviço de coleta de lixo na capital. O vereador afirma que a questão do lixo é um retrato de como a prefeitura de Campo Grande era administrada até o ano passado: de forma irresponsável, com desrespeito à lei (talvez por se achar impune) e sem a mínima sensibilidade social. Somado tudo, foi um verdadeiro desastre para capital e os problemas se acumularam para a gestão de Bernal resolver.
Nenhum vereador se inscreveu para defender o ex-prefeito na sessão.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados