Hospital da Vida receberá R$ 5,9 milhões para revitalização, ampliação e equipamentos


O Ministério da saúde prevê um investimento de R$ 5,9 milhões no Hospital da Vida de Dourados. Os recursos são referentes a diferentes ações e foram viabilizados pelo deputado Geraldo Resende (PMDB). Com os valores, além da reforma e ampliação, serão adquiridos mais de 20 itens, de aparelhos de Raio X a macas, para o funcionamento da Unidade.
Em dezembro do ano passado, o Ministério da Saúde empenhou, em favor da Prefeitura Municipal, o valor de R$ 900 mil para a aquisição desses equipamentos cadastrados em 2012. Esse dinheiro é oriundo dos chamados "recursos de programação" da Pasta e compreendem um investimento global de R$ 3 milhões. A previsão é que os valores sejam repassados até o final deste ano.

O repasse possibilitará a compra de aparelhos de Raio X (móvel e fixo), bombas de difusão, camas hospitalares e macas, capnógrafos, carrinhos de anestesia, desfibriladores cardiovasculares, máquinas de eletrocardiograma, focos cirúrgicos, pistolas cirúrgicas multifuncionais, respiradores, tomógrafos, macas e broncópio. A proposta foi apresentada pela Associação Beneficente Douradense que administra o Hospital Evangélico Dr. Goldsby King e o Hospital da Vida.
Outros valores a serem investidos no Hospital da Vida, e que somam mais R$ 2.090.000,00 foram viabilizados pelo deputado Geraldo Resende e empenhados nos anos de 2007 (R$ 1.487.460,60) e 2008 (R$ 602.539,40). Esses recursos serão utilizados para obras de reforma e ampliação. Para esta ação a Prefeitura Municipal prevê uma contrapartida de R$ 110.000,00. O Governo do Estado, que assumiu a responsabilidade da elaboração do projeto técnico alocará mais R$ 700 mil.
"Há mais de cinco anos cobramos dos administradores municipais que se sucederam para dar celeridade ao cumprimento das diligências. Conseguimos que o Governo do Estado assumisse a responsabilidade da formulação do projeto e finalmente está tramitando no Ministério da Saúde", afirmou Resende.
Por meio da gestão do parlamentar o projeto de reforma e ampliação do Hospital da Vida tramitou da assessoria jurídica do Fundo Nacional de Saúde (FNS) para a Coordenação Geral de Contratos e Convênios da Pasta. A Administração Municipal e o Executivo Estadual serão oficializados para o envio de documentação referente ao imóvel.
"Sabemos que a saúde pública atinge diretamente a qualidade de vida da população, porém a crítica e o apontamento dos problemas é um papel que reservo para aos filósofos e aos acadêmicos; os representantes políticos tem de resolver os problemas", explicou o parlamentar.
O Hospital da Vida é a porte de entrada do pronto socorro geral do Plano Diretor Regionalizado, possuindo 10 leitos de UTI adulto. A Unidade realiza em média 500 internações, 6.000 atendimentos, sendo 50% das internações são de caráter cirúrgico de ortopedia, de neurologia e de cirurgia geral.

Legenda da ilustração:
Modelo de aparelho de Raio-X que deverá ser adquirido para o Hospital da Vida.

Rodrigo Pael
20.04.13

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados