Resíduo sólido foi tema central da Conferência do Meio Ambiente

A política nacional de resíduos sólidos, incluindo produção e consumo sustentável, redução de impactos ambientais, geração de emprego e educação ambiental, foi o centro das discussões durante a 4ª Conferência Municipal do Meio Ambiente, realizada em Dourados nesta semana.

Na abertura, realizada no Teatro Municipal de Dourados, o gerente de Desenvolvimento e Modernização do Imasul (Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) Lorivaldo Antônio de Paula falou sobre a política de resíduos sólidos, criada em 2010.


A Lei 12.305/2010 que trata do assunto, disciplina a coleta, o destino final e o tratamento de resíduos urbanos, perigosos e industriais, e estabelece metas para o setor, como o fechamento dos lixões até 2014 e elaboração de planos municipais de resíduos.

Essas discussões através das conferências, de acordo com os ambientalistas, são fundamentais para se verificar o que está sendo construído nesta área. No caso de Dourados as ações estão voltadas para a construção do Plano de Gestão de Resíduos Sólidos e implementação da coleta seletiva de resíduos urbanos.

Após a abertura do evento, os participantes se reuniram durante todo o dia seguinte na Faculdade de Direito e Relações Internacionais da UFGD, quando discutiram todos esses assuntos e foi elaborado um documento com as propostas para a implementação da lei.

O evento foi coordenado pelo Comdam (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente) e Prefeitura de Dourados através do Imam (Instituto de Meio Ambiente de Dourados), com apoio de vários órgãos, como a Câmara de vereadores, Ministério Público e universidades.

Participaram da conferência o presidente do Comdam Ataufo Stein, o diretor-presidente do Imam Rogério Yuri Farias Kintschev, o presidente da Comissão do Meio Ambiente da Câmara Madson Valente, o vereador Rafael Matos e representantes de várias entidades.

Legenda: Conferência de Meio Ambiente realizada na segunda e terça debateu política de resíduos sólidos
Crédito: A. Frota

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados