Agetran solicita à Aced apoio para conscientização do empresariado

A Associação Comercial e Empresarial de Dourados (Aced) adotou a política de apoiar iniciativas que promovam o desenvolvimento de Dourados. Com este mote, firmou parceria com a Agetran, através do seu diretor, Walter Hora, para estimular a conscientização do trânsito no município. O encontro que resultou na união entre as entidades foi realizado na terça feira, 23, na Aced e contou com a presença do presidente, vice presidente e diretor da Aced, Antonio Nogueira, Sergio Luiz Miranda e Arnaldo Rodrigues, respectivamente.
Segundo Walter Hora, há 33 agentes de fiscalização, popularmente conhecidos como “marronzinhos”, que estão capacitados e habilitados para lavrar auto de infração de trânsito. “Queremos priorizar a abordagem em caráter educacional. Nossos agentes passaram por um rigoroso curso teórico e prático de aperfeiçoamento de abordagem para conscientização, entretanto, em casos recorrentes, eles vão multar os infratores”, explicou Hora.

Para o presidente da Aced, Antonio Nogueira, é importante, inclusive, a participação dos empresários no processo educacional dos seus funcionários. “A conscientização de todos é de suma importância para termos um trânsito mais tranqüilo e, principalmente, mais seguro. Cada empresário pode fazer sua parte incentivando os seus colaboradores a cumprirem o regimento do Código de Trânsito Brasileiro”, enfatizou Nogueira.
Ainda relacionado ao empresariado, Walter Hora disse que a Aced tem um papel importante no debate sobre o trânsito com os empresários. “Solicitamos à Aced que intervenha junto ao empresariado para informar sobre as alterações que vão ocorrer em vias públicas de grande circulação e que estão interferindo no fluxo adequado do trânsito”, solicitou o Walter Hora.
Em setembro, entre os dias 20 e 25, haverá a Semana do Trânsito, onde a Agetran pretende fazer um grande trabalho de conscientização com condutores, pedestres e população douradense em geral. “Pensamos em fazer algo diferente e eficaz que atinja o coração e a mente de quem conduz qualquer tipo de veículo. A educação no trânsito precisa ser prática, ativa e constante”, disse o diretor da Agetran.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados