Dourados amplia serviço social de busca ativa

A Prefeitura de Dourados através da Secretaria de Assistência Social está expandindo o serviço de Busca Ativa. A atividade, antes disponibilizada somente aos moradores de rua, atualmente é estruturada para abordagem social em outros casos de violação de direitos.



"O serviço era prestado antes somente pela Casa da Acolhida que continuará sendo atendida. Mas agora, dentro do Creas [Centro de Referência Especializado em Assistência Social], não serão buscados apenas os moradores de rua, mas também terão atenção especial as crianças e adolescentes em situação de trabalho infantil, exploração sexual, idosos vítimas de violência, e muitos outros", explicou a diretora do Departamento de Proteção Social Especial Ivonete Laurinda Ferreira.




Um veículo com dois servidores por turno percorre os pontos críticos da cidade – de uso das ruas para tráfico de drogas, pequenos furtos e prostituição – identificados através de mapeamento. O projeto já começou com servidores da Casa da Acolhida e Creas. Mas a ideia é contratar educadores sociais através de concurso.



Ao abordar as pessoas, os servidores fazem orientações e as encaminham aos órgãos da Assistência Social responsáveis por atendê-las. No caso dos moradores de rua, a Casa da Acolhida. As crianças vão para o Conselho Tutelar. "Essas pessoas são encaminhadas para resgatar a cidadania, seus documentos pessoais, adquirir benefícios aos quais têm direito, um atendimento que estamos priorizando por determinação do prefeito Murilo", afirma a secretária Ledi Ferla.



"Esse trabalho mais próximo das ruas possibilita um contato direto com as pessoas e é possível adquirir confiança delas. Muitos, principalmente moradores de rua, têm resistência. Então, é um trabalho gradativo e diário", afirmou Ledi.



O serviço funciona através de busca e denúncias, que podem ser feitas ao Disque 100 ou aos telefones do Creas/Paefi (Programa de Atendimento Especializado à Família e Indivíduos): 3426-1301 e 8468-6058.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados