Dourados é destaque nacional em geração de emprego

Programa "Bom Dia Brasil" da TV Globo desta segunda-feira mostrou que Dourados está entre as exceções brasileiras onde o número de emprego com carteira assinada tem aumentado



O município de Dourados foi destaque nacional na geração de emprego em reportagem do programa "Bom dia Brasil", da Rede Globo, edição desta segunda-feira. A emissora exibiu a reportagem "Vagas com carteira assinada estão encolhendo nas capitais brasileiras" e citou exemplos de Fortaleza (CE) – que foi exceção entre as capitais – Dourados, em Mato Grosso do Sul, Indaiatuba (SP) e Rio Grande (RS).




De acordo com a reportagem, em julho mais de 13 mil postos de trabalho foram fechados nas capitais, com o emprego migrando para o interior do Brasil.



De Dourados, a repórter Erika Machado, apontou o setor sucroenergético como grande gerador de emprego, totalizando mais de 30 mil vagas nas 24 usinas do Estado.



A reportagem citou a dificuldade das usinas em contratar operadores de máquinas agrícolas, mecânicos e motoristas. Os salários variam entre R$ 1.300 e 1.500, segundo a reportagem.



A dificuldade de contratação de trabalhadores é mesmo uma realidade de Dourados. O Ciat (Centro de Atendimento ao Trabalhador) disponibiliza em torno de cem vagas por dia, segundo Dulcinéia Lisboa de Araújo, do setor de administração de vagas do Ciat.



Dourados vive um novo 'boom' de crescimento econômico depois que o prefeito Murilo implantou o projeto "Polo de Serviços do Setor Sucoenergético de Dourados e Região", que está tornando a cidade o polo de manutenção industrial e um grande centro distribuidor de produtos e serviços de Mato Grosso do Sul.



Ao mesmo tempo, Murilo criou o projeto "Qualifica Dourados", de formação de mão de obra em vários setores para dar suporte às empresas. Mesmo assim, com a demanda de crescimento muito elevada, faltam trabalhadores qualificados.



Entre as vagas disponíveis no Ciat estão para mecânicos de máquinas e motores, motoristas, pedreiros, carpinteiros, técnicos industriais, vendedores, gerentes e muitas outras.



À medida que o polo de serviços avança em Dourados, se cria mais emprego e a demanda continua. Tanto que o Senai (Serviço de Aprendizagem Industrial) vai quase dobrar a sua oferta de vagas em cursos de qualificação profissional para a indústria.



Legenda: Geração de emprego nos setores de metalmecânico e sucroenergético coloca Dourados em destaque nacional

Crédito: Divulgação

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados