Empresários querem discutir a lei do plantio de árvores

O presidente da ACED, Antonio Nogueira, juntamente com uma comissão formada por diretores representantes das concessionárias de veículos automotores e máquinas agrícolas, e pelo 2º vice-presidente da Associação Comercial, Sérgio Luiz Miranda, se reuniu na manhã de ontem (12) com o prefeito Murilo Zauith para discutir sobre o projeto de lei nº 12/2013, que determina que as concessionárias plantem uma árvore a cada veículo zero quilômetro vendido.

Na reunião os empresários ponderaram com o prefeito, sobre as questões técnicas do projeto de lei. "Somos empresas de veículos, trabalhamos com automóveis e não temos expertise em plantar árvores, em acompanhar o desenvolvimento delas, isso deve ser feito por profissionais da área, então queremos discutir melhor e dar sugestões nesse projeto", disse Walter Yaginuma.


Pelo projeto, as concessionárias deverão entregar a cada seis meses ao Imam (Instituto de Meio Ambiente) um relatório constando o número de veículos 0 km comercializados durante o mês. As empresas também deverão adquirir e plantar as mudas conforme orientações do Imam sobre espécies, tamanho e local. O artigo 2º do projeto de lei prevê uma árvore para cada automóvel ou máquina agrícola vendida. No caso de motocicletas, a obrigatoriedade é de uma árvore para cada dez unidades comercializadas.

De acordo com Antonio Nogueira, o prefeito Murilo foi sensível à questão levantada pelos empresários. "A ACED tem como função interceder pelos empresários, e fizemos isso, articulei a comissão de empresários e as reuniões com o prefeito, agora vamos nos reunir mais uma vez para discutir uma nova proposta para o PL que tramita na câmara", disse Nogueira.

A reunião com os representantes das concessionárias de veículos automotores e máquinas agrícolas será no dia 19 de agosto, na próxima segunda-feira às 16h, na ACED.

"O objetivo da reunião é definir uma nova proposta e apensar ao projeto que está na Comissão de Justiça da Câmara de Vereadores, temos muitas maneiras de contribuir com o meio ambiente e vamos redefinir essa questão, a compensação ambiental é um importante passo para a sustentabilidade, mas devemos fazer da melhor forma, e estamos buscando isso", afirmou Nogueira.

Foto: Assessoria
Legenda: Antonio Nogueira, Sérgio Miranda e empresários reunidos com prefeito Murilo

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados