Bebeto quer explicações sobre demora na construção de moradia popular em Vila Vargas e Vila São Pedro

Com o objetivo de buscar soluções com a relação à morosidade na entrega de 40 casas populares nos distritos de Vila Vargas e Vila São Pedro, o vereador Bebeto (PDT) acionou ontem (16) as comissões competentes na Câmara Municipal, solicitando um levantamento dos motivos da paralisação das obras naqueles distritos.

Segundo o vereador a construção das casas iniciou no ano de 2009, por meio de recursos provenientes do Governo Federal, através do 'Ministério das Cidades', porém, as obras foram paralisadas e retomadas por diversas vezes. Ele explica que na época a Prefeitura fez sua parte doando os terrenos, mas passados quase cinco anos as casas ainda não foram concluídas, sendo que a maioria não foi feito nem sequer o reboco.

Bebeto ressalta que também já foram encaminhados diversos requerimentos à Secretaria de Habitação do Estado, solicitando informações relacionadas a previsão de entrega das unidades e realizadas reuniões entre a comunidade dos distritos e a diretoria da empresa responsável pela obra na tentativa de por fim aos entraves. 


De acordo com o vereador a empresa 'Consol', assumiu a construção das casas em substituição a primeira empreiteira contratada, que teria paralisado e abandonado a obra. "Entramos em contato com secretário estadual de Habitação, Carlos Marun e com o representante da Consol buscando intermediar junto aos mutuários que aguardam pelas moradias há anos", reforçou.

 O vereador também questiona se realmente os recursos para implantação das unidades habitacionais fora liberados e por quais motivos a primeira empreiteira contratada abandonou a obra.

O documento foi encaminhado as comissões de Justiça, legislação e Redação, presidida pelo vereador Alan Guedes (DEM), Finanças e Orçamentos, presidida pelo vereador Maurício Lemes (PSB) e Obras e Serviços Públicos, presidida pelo vereador Ramão Cirilo (PTC). (Assessoria Parlamentar)



 FOTO: Thiago Morais

LEGENDA: Vereador Bebeto questiona morosidade na conclusão de casas em distritos

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados