Líderes varejistas se surpreendem com crescimento do comércio em julho

Para CNDL, é preciso aguardar o desempenho de agosto para saber se há tendência
de  recuperação  para o segundo semestre ou se o resultado foi um pico passageiro

Os líderes do movimento lojista classificaram como uma "surpresa positiva" o resultado apresentado pela Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na manhã desta quinta-feira (12/9). Após o comércio sofrer com uma sequência de desacelerações nos últimos meses, o volume de vendas cresceu 1,9%  em julho, na comparação com o junho deste ano.


Na avaliação da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do SPC Brasil, o resultado é muito positivo, mas existe uma hipótese de que o bom resultado tenha sido motivado pelo efeito base do mês de junho, quando boa parte do comércio teve que fechar as portas por conta da forte onda de manifestações que correram o país e pelos vários feriados decretados em função da Copa das Confederações.

"O resultado é ótimo, mas comércio pode acompanhar a tendência da indústria, que cresceu e logo depois recuou. Temos que aguardar desempenho de agosto, que vai mostrar se existe uma tendência de recuperação para o segundo semestre ou se esse resultado é um pico passageiro", pondera Roque Pellizzaro Junior, presidente da CNDL.



Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados