“Jantar Rosa” terá renda revertida à Rede Feminina

Estão à venda os convites para o "Jantar Rosa", que será realizado quinta-feira, dia 24, às 20h, no Salão de Eventos da Unigran. A noite com uma série de atrações artísticas faz parte da programação Dourados Rosa, realizado pela Rede Feminina de Combate ao Câncer e Prefeitura de Dourados. A renda obtida com a festa será toda revertida para a Rede.



Estão programadas para a noite apresentações da dupla Marco Aurélio e Gabriel, cantora Mariana Suzuki, saxofonista Elvis Amorim e o DJ Imada. Os convites custam R$ 50 e dão direito ao baile e jantar organizado pelo Buffet Luzly. O valor não inclui bebida.




São esperadas 400 pessoas para a festa. O traje será esporte fino e a orientação é para que os convidados usem roupas cor-de-rosa ou com detalhes nesta cor que simboliza a campanha.



"Será um momento de homenagear as mulheres que lutam contra o câncer de mama, celebrar a esperança e a importância do diagnóstico precoce. Ainda vamos falar dos objetivos que já foram atingidos pelo Dourados Rosa", afirmou Giselle Ferreira, coordenadora da Rede Feminina.



A campanha realizada pela entidade e o município pela primeira vez é alusiva ao Outubro Rosa, mês em que o combate ao câncer de mama é lembrado no mundo todo. A programação segue até o dia 31.



Segundo Giselle, a renda da festa será importante para a manutenção da entidade. Isso porque 90% dos custos da instituição são pagos com doações, sejam elas espontâneas, renda de eventos, serviço de "tele doações" mantido pela Rede Feminina e as moedas depositadas nos cofrinhos que ficam nos caixas de lojas do comércio. Os demais 10% são custeados através de convênio com o governo do Estado.



Além do trabalho de conscientização e acompanhamento de famílias que têm pessoas com câncer, a rede ainda recebe pacientes de outras cidades da região em tratamento no município. Ao todo são 30 leitos, mas a necessidade é maior. "Nós trabalhamos no limite dos custos e precisamos contratar mais profissionais técnicos", lembrou a coordenadora.



A Rede Feminina gasta em média R$ 15 mil por mês para manter suas atividades. "Todos os meses é uma luta para manter os serviços, por isso cada doação, cada presença nesse jantar é importante", disse Giselle. Os convites para o Jantar Rosa estão à venda na Aced (Associação Comercial e Empresarial de Dourados), Rede Feminina e Jornal o Progresso. O telefone para mais informações é o 3421-1827.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados