Projovem qualifica mais 270 profissionais em Dourados

- Ciat faz gestão com as empresas para abrir mais vagas de trabalho para os jovens recém qualificados em Dourados -

Mais 270 jovens estão disponíveis para o mercado de trabalho em Dourados nas áreas de administração, arte e cultura, beleza e estética, comércio, telemática e vestuário. Eles foram qualificados pelo programa Projovem Trabalhador. A solenidade de formatura dos novos profissionais aconteceu na noite de terça-feira no auditório da Prefeitura.

A secretária de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Neire Colman, que representou o prefeito Murilo, incentivou os jovens a continuarem a formação para atender a demanda de mão de obra em Dourados, cuja previsão do IBGE é chegar a 300 mil habitantes em 2020.
"Hoje são 14 mil empresas formais em Dourados e estima-se esse mesmo número informal; a cidade gera 35 mil empregos com carteira assinada e outro tanto desse na informalidade. Imagina em 2020 quanto empregos teremos e que terão quer ocupados por vocês", disse Neire ressaltando que "a qualificação é individual; peguem isso com afinco".
O Projovem Trabalhador é projeto do MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) e foi implantado em Mato Grosso do Sul pelo governo do Estado através da Funtrab (Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul). É voltado para jovens de 18 a 29 anos, em situação de desemprego, cuja renda familiar seja de até um salário mínimo. Os cursos tem duração de 350 horas, sendo 250 na área técnica e 100 na área social.
Entre os jovens qualificados está Claudinéia Cordeiro Teixeira, de 27 anos, casada e mãe de uma filha. Cadeirante, ela enfrentou com determinação o curso na escola Celso Muller do Amaral e se formou técnica em administração. "Aprendi muito; nossos professores são bem qualificados", afirma. Claudinéia pretende trabalhar como secretária e continuar os estudos.
O coordenador da Funtrab, João Gomes Neto, que representou o governador André Puccinelli, ressaltou que o programa favorece para que os jovens de Mato Grosso do Sul possam concorrer de igual para igual com os jovens que vem preparados de outros Estados em busca de oportunidades. "No campo do conhecimento não se pode parar nunca. Nunca estamos prontos; o mercado exige muito", disse, incentivando os jovens a continuar estudando.
Neto também destacou a importância da parceria da Prefeitura no programa, que colou seus técnicos para a mobilização e formação das turmas. "Sem essa parceria certamente não teria sido possível realizar este projeto aqui", disse.
Ivan Benites, 24 anos, casado, já arrumou o emprego como instalador de aparelhos de ar condicionado, mas conseguiu mesmo assim terminar o curso de auxiliar administrativo na escola Reis Veloso. Ele disse que pretende buscar um emprego na área agora e também cursar faculdade de administração.
Indianara Santos, de apenas 16 anos, fez o curso técnico em administração também na Reis Veloso e mesmo menor de idade já está pronta para entrar no mercado de trabalho. "Gostei da área, pretendo trabalhar e também fazer faculdade", afirmou.
Os jovens recém qualificados agora podem contar com o apoio da Prefeitura para conseguir uma vaga no mercado de trabalho. Eudúlia Delgado, do Ciat (Centro Integrado de Atendimento ao Trabalhador) disse que está fazendo gestões com as empresas de Dourados para tentar colocar a maioria dos formados no mercado de trabalho. O Ciat oferece em torno de 100 vagas de empregos por dia.
Foto: A. Frota
Legenda: Secretária Neire Colman destaca parceria com os governos federal, estadual e prefeitura na formação de mais 270 profissionais em Dourados

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados