Acadêmicos de fisioterapia orientam gestantes de alto risco na Clínica da Mulher

Intenção é melhorar a qualidade de vida das mulheres ensinando técnicas que podem ser usadas no dia-a-dia

Uma parceria entre a Secretaria de Saúde da Prefeitura de Dourados e a Clínica de Fisioterapia da Unigran leva orientações às gestantes de alto risco que fazem o acompanhamento pré-natal na Clínica da Mulher. O serviço é oferecido gratuitamente.


"No estágio de atenção primária nós fazemos sempre orientações com pacientes. Este ano decidimos por uma parceria com a Clínica da Mulher que tem as gestantes de alto risco. É um público interessante e que a gente nunca trabalhou", destacou Simone de Souza Elias Nihues, coordenadora da Clínica de Fisioterapia.

O trabalho começou nesta terça-feira, dia 12, pela manhã. Os acadêmicos que participam do projeto conheceram a Clínica da Mulher, conversando com pacientes e com a equipe multidisciplinar que atua na unidade. A partir de então, eles elaboram um planejamento do trabalho que será desenvolvido com este público.

Além de desenvolver atividades na clínica, ainda serão montados, conforme a disponibilidade e necessidades específicas das pacientes, grupos de gestantes que poderão ter atendimento e acompanhamento supervisionado na própria Clínica de Fisioterapia. Tudo desenvolvido sem qualquer custo, já que o trabalho beneficia as gestantes ao mesmo em tempo que serve de estágio para os acadêmicos.

A intenção é melhorar da qualidade de vida destas mulheres levando orientações que podem ser usadas no dia-a-dia. É o caso da demonstração dos exercícios físicos mais adequados para a necessidade de cada gestante, técnicas de relaxamento, exercícios respiratórios, posicionamentos que podem se adequar para fazer serviços domésticos e para dormir, postura e preparo para a amamentação, entre outros.

CLÍNICA DA MULHER
As gestantes de alto risco é um dos públicos atendidos pela Clínica da Mulher, espaço mantido pela Prefeitura de Dourados para atender especialidades voltadas ao público feminino. Inaugurada em quatro de abril deste ano pelo prefeito Murilo, a unidade abrigou numa estrutura mais moderna todos os serviços antes desenvolvidos pelo CAM (Centro de Atendimento a Mulher), que também incluem planejamento familiar, consultas e exames.

Como se trata de um serviço especializado, o acesso à Clínica é realizado através de encaminhamento feito pelas Unidades Básicas de Saúde através de necessidade detectada pelo médico. Os postos também fazem acompanhamento pré-natal, atualmente de 850 mulheres, entre as que estão ou não numa gestação de alto risco.

Foto: A.Frota
Legenda: Acadêmicos de Fisioterapia conhecem Clínica da Mulher para planejar atividades voltadas à gestantes de alto risco

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados