Orgânicos produzidos em projeto de extensão agora são vendidos também na Unidade 1

Agora a Unidade 1 da UFGD também conta com a feira de produtos orgânicos cultivados por membros de comunidades quilombolas vizinhas a Dourados. A iniciativa é resultado de um projeto de extensão orientado pelo professor Euclides Oliveira, da Faculdade de Ciências Agrárias (FCA), que visa dar consultoria aos produtores, desde o plantio até o escoamento da produção.


A ideia de montar um ponto de venda começou pela Unidade 2 da UFGD, onde os representantes das comunidades estão todas as terças e sextas-feiras pela manhã, próximos ao estacionamento que fica em frente às faculdades de Ciências Biológicas e Ambientais e de Educação (FCBA e FAED).


Na Unidade 1, os produtores deram início às vendas hoje (21) e estarão todas as quintas-feiras pela manhã na entrada da rua Gustavo Adolfo Pavel. São comercializadas hortaliças e frutas orgânicas como pepino, abobrinha, tomate-cereja, couve, alface, rúcula, laranja, limão e lima, entre outros produtos, como mel e ovos caipiras.

De acordo com o orientador do projeto, os produtores são moradores de Picadinha, localidade do distrito de Itahum, e estão animados com o bom resultado das vendas. Euclides afirmou, ainda, que o projeto está aberto a outros professores que queiram colaborar com algum tipo de consultoria em relação a preços e formas de comercialização. O contato com o professor pode ser feito pelo e-mail euclidesoliveira@ufgd.edu.br.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados