Dourados terá R$ 50 milhões de investimentos para produção de frango

Produção de aves deve ser acrescida em 2,3 milhões de cabeças por ano; juntando a região serão 4,25 milhões de aves


O conselho do FCO (Fundo Constitucional do Centro-Oeste) aprovou na semana passada novos investimentos para a produção de frango em Mato Grosso do Sul. Dos investimentos em torno de R$ 48,59 milhões serão para a construção de 64 aviários no município de Dourados, que resultarão na ampliação da produção em 2,3 milhões de cabeças por ano.
No Estado o investimento total é de R$ 159,45 milhões em 12 municípios para a construção de 210 aviários, com a capacidade de produção sendo ampliada em 7,7 milhões de aves/ano, que irão abastecer as indústrias do setor em operação no Estado. Os aviários serão implantados até o final deste ano, segundo o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Elias Verruck, que preside o Conselho do FCO.

Na região de Dourados serão investidos R$ 89,50 milhões na construção de 118 aviários, sendo 64 em Dourados, 24 em Glória de Dourados, 18 em Jateí, 6 em Vicentina, 4 em Rio Brilhante, 2 em Ivinhema. Os novos aviários devem produzir em média 4,25 milhões de frangos por ano. O custo médio de cada aviário é de R$ 759,3 mil e a produção média de cada unidade é de 36 mil frangos por ano.
O restante do investimento será em Sidrolândia (64) aviários, Itaquiraí (12), Aparecida do Taboado (8) e Dois Irmãos do Buriti (4), Juti (2) e Novo Horizonte do Sul (2).
"Mesmo com crise no Brasil Dourados e região estão em pleno desenvolvimento, ampliando a produção no campo e na cidade, gerando emprego e renda", afirma o prefeito Murilo. Ainda nessa área, Murilo informa que o governador Reinaldo Azambuja vem a Dourados no início deste ano para anunciar a ampliação da BRF, que industrializa aves. Também é possível que nesta mesma ocasião seja anunciada uma grande esmagadora e fábrica de óleo de soja.
No final do ano passado Reinaldo e Murilo anunciaram investimentos de R$ 560 milhões da JBS em Dourados para dobrar a produção de suínos, que saltará de 3 mil para 6 mil animais por dia, o que fará o faturamento da unidade passar de R$ 1,9 bilhão para R$ 3 bilhões por ano. Na região de Dourados serão R$ 1,13 bilhão de investimento, somando-se o aplicado no município aos R$ 490 milhões para a produção de perus em Itaporã e R$ 80 milhões para ampliar a produção de frango em Caarapó. Com planejamento a Prefeitura vem dando o apoio que as empresas precisam para investir em Dourados e região.
O secretário Jaime Verruck lembra que em 2015 a atração de investimentos foram muito importantes na área de avicultura para Mato Grosso do Sul. "O que estamos fazendo é estruturar o setor rural para que tenhamos mais produtores integrados com as indústrias do setor", comenta. A meta do Estado é apoiar a implantação de mais 2 mil novos aviários.
Entre as principais indústrias integradoras que vão absorver a produção desses aviários estão a BRF Brasil (Dourados), Frango Bello (Itaquiraí), Doux Frangosul – JBS (Caarapo) e Seara Alimentos (Sidrolândia).

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados