Fwd: ​Secretários municipais atendem decreto e adotam medidas contra o Aedes aegypti


- Conforme determinação do prefeito Murilo, o gestor de instituições públicas municipais, estaduais e federais também está sujeito a multa por não manter limpa sua repartição -

Gestores de todos os órgãos e secretarias do município de Dourados estão se movimentando para atender o decreto 2177 de 11 de janeiro de 2016 do prefeito Murilo que institui e regulamenta multa aos responsáveis por todas as instituições e repartições públicas municipais, estaduais e federais em função de medidas preventivas contra a proliferação do mosquito Aeds aegypti.
O secretário municipal de Cultura, Carlos Fabio Carlos Fábio Selhorst dos Santos, convocou os servidores da secretaria esta semana e fez a limpeza geral do Teatro Municipal e nos arredores. Também foi feita uma limpeza geral na usina velha, onde foram retirados muito lixo, como garrafas, latas de cerveja, plásticos, entre outros. "É um patrimônio histórico, mas muitas pessoas não respeitam e jogam lixo, latas, garrafas e o pior é que esses materiais podem acumular água parada para possíveis focos do mosquito", comentou.

A secretária municipal de Educação, Marinisa Mizoguchi se reuniu na semana passada com todos os coordenadores de Ceims, diretores e diretores adjuntos das escolas da Reme para discutir medidas preventivas de controle da Dengue, Febre Chikungunha e a perigosa Zika Vírus.
Assim a Secretaria Municipal de Educação mobilizou coordenadores de escolas e Ceims (Centro de Educação Infantil Municipal) para ficarem alerta quanto às doenças provocadas pela picada do mosquito. "O objetivo da reunião foi conscientizar os gestores para que promovam estratégias de mudança de condutas individuais e coletivas, focado no controle e combate da epidemia, ressaltando que as escolas receberão a visita de profissionais do setor de Vigilância Ambiental e Endemias que orientarão os profissionais e caso seja encontrado focos do mosquito, a instituição será multada, conforme o decreto", disse.
Entre as instituições que já se mobilizaram estão o Ceim Maria do Rosário, que promoveu limpeza do pátio (retirada de lixo que poderia acumular água) dedetização e corte de grama; a Escola Loíde Bonfim de Andrade, que fez a limpeza do pátio, corte de grama, retirada de lixo que possa acumular água aproveitou o período de matrículas para fixar cartazes informativos sobre o Aedes aegypti direcionado aos pais e demais pessoas. Já  a Escola Prefeito Luiz Antonio, fez a limpeza do pátio e corte de grama.  
A secretaria municipal de Assistência Social, Ledi Ferla disse que enviou cópia do decreto a todos os gestores de Cras (Centro de Referência de Assistência Social) e demais órgãos da secretaria. "O pessoal está bem atento, está movimentando, fazendo limpeza em todos os órgãos que competem a Assistência Social", disse.
A Guarda Municipal é outra instituição que está bem atenta quanta a questão de limpeza na prevenção de focos do mosquito. O coordenador da GM, João Vicente Chencarek informou que reuniu todos os agentes e convidou um palestrante do CCZ (Centro de Controle de Zoonozes) para orientar os servidores quando a questão da Dengue, Febre Chikungunha e o Zika Vírus.
Com isso, além de promover uma limpeza nos órgãos que competem a GM, como na sede e nos postos de atendimentos espalhados pela cidade, ainda está colaborando com outros órgãos municipais a ficarem atentos. "As equipes ao passarem pelos patrimônios municipais, como parques, escolas, instituições, se verificarem sujeira com possíveis focos, comunicam os gestores responsáveis para tomarem providências, afinal, não queremos que ninguém seja penalizado com uma multa", disse.
O secretário de Agricultura Familiar e Economia Solidária, Landmark Ferreira Rios, também convocou a sua equipe para inspecionar os prédios que competem a secretaria todos os dias, como lavanderias, Agecold (Associação dos Agentes Ecológicos de Dourados), entre outros. "Apoiamos a decisão do prefeito pela iniciativa, os servidores também devem cumprir com a sua parte nesta luta contra o mosquito. Nós aqui na secretaria estamos bastante atentos", garantiu.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados