“Lei do Pancadão” protege competidores e profissionais do som em Dourados




O vereador Mauricio Lemes realizou uma reunião com representantes do som automotivo para tratar da "Lei do Pancadão" em Dourados. Em conversa com o Demerson Paulo França, da DMA Eventos e da Federação de Wheeling de Mato Grosso do Sul, além do Nilbemar Junior, técnico da Ultravox, o parlamentar notou o quanto são organizados e como contribuem socialmente e economicamente para o município.
Segundo os convidados, essa legislação é muito importante, pois pune aqueles que desrespeitam a sociedade, o meio ambiente, que não fazem parte do esporte de maneira saudável e protege os competidores e profissionais do som, que desejam realizar seus eventos e campeonatos de forma segura e em equilíbrio com todos os setores, inclusive com o da saúde.
O texto da "Lei do Pancadão" proíbe, por exemplo, o som em vias públicas e em espaços privados de acesso ao público, como em Postos de Combustíveis, mas não interfere em ambientes particulares e em locais autorizados.  "A punição é para aqueles que promovem a desordem, a baderna, infringindo a Lei e agredindo diretamente os seres humanos, não para os que usam de maneira legal", afirmou o vereador Mauricio.
De acordo com os representantes, ainda há um preconceito com o setor por falta de informação e amparo público. "Atendemos 25 cidades do interior do estado, ajudamos a fomentar a economia desses locais, como ligados ao setor de turismo, e realizamos campanhas sociais, mas necessitamos ainda de apoio no município", explica França.
Mauricio garantiu que, por meio da Consulta Pública realizada, irá melhorar no que for possível a Lei para que esteja em sintonia com os anseios da sociedade e da classe envolvida.  Além disso, no que estiver ao alcance e de uma forma coletiva, irá apoiar essa prática esportiva na cidade.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados