Sanesul inicia ampliação do sistema de água em Dourados com investimento total de R$ 93 milhões

Sanesul deu início à perfuração de dois super poços e à instalação da rede de distribuição primária. Cada poço, com profundidade de 600 metros, tem previsão de vazão de 250 mil litros de água por hora

Campo Grande (MS) – A Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) deu início às obras de ampliação do sistema de abastecimento de água de Dourados. Serão investidos R$ 93,2 milhões, visando atender o crescimento da segunda cidade mais populosa de Mato Grosso do Sul, com 212.870 habitantes, de acordo com levantamento do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Além dos moradores, Dourados tem muita população transitória, por ser um importante polo agropecuário e fornecedor de produtos e serviços para cerca de um milhão de habitantes, incluindo o Paraguai.

Atenta a este crescimento, a Sanesul deu início à perfuração de dois superpoços e à instalação da rede de distribuição primária de 600 milímetros de ferro dúctil. Cada poço, com profundidade de 600 metros, tem previsão de vazão de 250 mil litros de água por hora. Nesta etapa da obra, já em execução, estão sendo investidos cerca de R$ 30 milhões, recursos próprios da Sanesul via Caixa Econômica Federal. Serão construídos ainda reservatório enterrado, com capacidade para reservar 4 milhões de litros de água e estação elevatória (deslocam água de um nível mais baixo para um mais elevado) com capacidade de 500 litros por segundo.
Além disso, está prevista a construção de mais um superpoço, com capacidade também de 250 mil litros de água por hora e dois módulos da Estação de Tratamento de Água (ETA), perfazendo um total de oito módulos, com capacidade para tratar 250 mil litros de água por hora cada uma.
Ao todo, o abastecimento de água em Dourados será incrementado em cerca de 1,2 milhão de litros de água por hora, que aumentarão em 50% a produção de água na cidade. A produção atual de água em Dourados é de 2,5 milhões de litros por hora, consumidos em sua totalidade pela população.
A obra está dividida em etapas. A primeira  já está em execução e as outras ainda serão licitadas. O investimento total será de R$ 93,2 milhões de reais, recursos da Sanesul via financiamento da Caixa Econômica Federal e englobará ainda a construção de redes de distribuição, reservatórios de água, reformas nas instalações atuais entre outras melhorias.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados