Prazo para inscrição na pós-graduação em Integração Lavoura-Pecuária-Floresta é prorrogado

Em parceria com a Unoeste, aulas serão ministradas na sede da Fundação MS


O prazo para que os interessados possam se inscrever na pós-graduação em Integração Lavoura-Pecuária-Floresta foi prorrogado para o dia 15/04. A especialização sobre o assunto é a primeira em Mato Grosso do Sul, resultado de uma parceria firmada entre a Fundação MS e a Universidade do Oeste Paulista – Unoeste. As aulas serão ministradas em Maracaju, com o objetivo de levar capacitação para transformar práticas agrícolas individualizadas em sistemas integrados de produção sustentável.


A pós-graduação pretende qualificar profissionais e difundir a integração lavoura-pecuária-floresta, bem como desenvolver senso crítico dos profissionais e conhecimento para melhorar o uso do solo e potencializar a produção agropecuária de forma sustentável, preservando os recursos do solo e água.

Iniciada em 2013 pela Universidade do Oeste Paulista, a especialização em ILPF já abriu sete turmas. A vinda da especialização para Mato Grosso do Sul irá refletir em mais eficiência no campo, garante o professor Edemar Moro, coordenador do curso. "Agricultura e pecuária serão beneficiadas, com acréscimo na produção de grãos e carne de melhor qualidade", enfatiza.

O corpo docente é formado por profissionais experientes na área, entre eles pesquisadores da Fundação MS, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e professores da Unoeste. Ao todo, serão 18 meses de especialização com aulas teóricas na sede da Fundação MS e visitas técnicas em áreas rurais. Os interessados podem buscar mais informações pelo site da Universidade, www.unoeste.br.




Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados