Caravana da Saúde continua nesta segunda-feira em Dourados

Estimativa é de oito mil atendimentos apenas na área oftalmológica


A Caravana da Saúde continua nesta segunda-feira, dia 18, em Dourados. Os consultórios de especialidades e demais parceiros do evento que atuaram nos Dias "D" (15, 16 e 17) saem do Complexo Esportivo Jorge Antônio Salomão, o "Jorjão", onde permanecem sendo realizadas apenas cirurgias oftalmológicas até o dia 26.
Segundo o secretário adjunto de Saúde da Prefeitura, Márcio Figueiredo, essa atividade posterior tem quase duas mil cirurgias marcadas nas eletivas gerais, como exemplo vascular e hérnia, ginecológicas, de ovário e útero, ortopédicas, como de joelhos, além das vasculares. "As operações de catarata começaram no sábado, com pelo menos 1.200 procedimentos marcados", afirma.

A expectativa, no entanto, é de 8 mil atendimentos apenas na área oftalmológica, mais de 4 mil apenas em cirurgias de catarata até o final da Caravana.  Milhares de pessoas foram atendidas durante os "Dias D" em várias especialidades e as realizações de exames passaram de quatro mil, entre ultrassons, inclusive com doppler, tomografias e ressonâncias.
O Hospital da Vida é à base de apoio, o de "retaguarda", de acordo com Figueiredo. Ele lembra que a prefeitura, por meio do secretário de saúde, Sebastião Nogueira, em parceria com o Governo do Estado, conseguiram mais 10 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), um novo tomógrafo, raio X, além de um arco e reestruturação de sala do centro cirúrgico.
Para a parceria, além dessa instituição, servirão de apoio o Hospital Cassems e o HRGD (Hospital Regional  Grande Dourados). "As pessoas podem assustar por não verem mais toda a estrutura montada nos "Dias D". Então, deixamos claro, portanto, que a Caravana continua, mas de outra forma", completa Figueiredo.
Esses atendimentos, porém, não são mais de demandas espontâneas, ou seja, agora serão acolhidos apenas os já agendados pela Secretaria Municipal de Saúde. Aquele que não conseguiu participar da Caravana terá a oportunidade de ser atendido no sistema regular, mais rapidamente já que a ação tem desafogado toda a rede. Segundo a Secretaria, a Caravana tem como objetivo a reestruturação do sistema, o que diminui a fila de espera por atendimento.

Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados