UFGD abre licitação para nova administração do Restaurante Universitário


Meta é melhorar a qualidade e diversidade das refeições servidas


Com o objetivo de melhorar e ampliar os serviços oferecidos aos estudantes e servidores, a Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) lançou edital de licitação para nova administração do Restaurante Universitário (RU). A empresa vencedora do processo deverá servir refeições nutricionalmente balanceadas e em condições higiênico-sanitárias adequadas, contribuindo assim com a saúde e bem estar dos usuários.

Serão oferecidas três refeições de segunda a sexta (café da manhã, almoço e jantar) e duas aos sábados (café da manhã e almoço). O café da manhã deverá incluir leite com café ou achocolatado, café, pão com margarina e fruta. Almoço e jantar deverão conter arroz branco, arroz integral e feijão, prato principal à base de carne, ovos ou soja, guarnição, salada, suco e sobremesa.


Antiga reivindicação dos estudantes, a variação de cardápios servidos dentro de uma mesma semana está garantida no edital. O documento também estipula que a empresa deverá afixar diariamente na entrada do Restaurante Universitário os cardápios do almoço e jantar com seus valores energéticos totais, os ingredientes de todas as preparações e as quantidades de cada um dos componentes. Durante o horário de funcionamento da cozinha e dos refeitórios, um ou mais nutricionistas deverão estar presentes para acompanhar e orientar as atividades desenvolvidas.

Todos os funcionários deverão trabalhar uniformizados, utilizando os equipamentos de proteção individuais e coletivos exigidos pelo Ministério da Saúde e pelo Ministério do Trabalho. Aqueles que trabalham diretamente com o público deverão portar crachá de identificação.

Produtos locais
O edital ainda estabelece preferência para produtores locais na aquisição dos produtos a serem utilizados no preparo das refeições. Respeitadas as condições de preço e qualidade dos demais fornecedores, alimentos da Fazenda Experimental de Ciências Agrárias da UFGD e dos produtores rurais da agricultura familiar devem receber prioridade por parte da administração do restaurante.

Comissão de Acompanhamento
Outra novidade estipulada para a nova gestão do RU é a criação de uma Comissão de Acompanhamento composta por ao menos quatro fiscais, envolvendo alunos e servidores, para dar apoio técnico e acompanhar a fiscalização junto à empresa. A Comissão avaliará a qualidade do serviço prestado e dos alimentos servidos, as condições de limpeza e higienização do ambiente, o cumprimento do cardápio divulgado, o tempo de espera em filas e a qualidade no atendimento, entre outros itens. O cardápio deve ser elaborado pelo nutricionista da empresa licitada e aprovado pelos fiscais da UFGD. ​


Mais lidas

Faculdades de Medicina no Paraguai: Universidade USCA abre 280 vagas para curso de medicina e inscrições já estão abertas.

Veja a relação dos candidatos a vereador em Dourados com número que aparece na urna

Proprietários são notificados para adequação das calçadas em Dourados